Eduardo Barbosa Deputado Nota 10!

Você está em: Home » Imprensa » Notícias

Notícias

Compartilhar: Facebook Twitter Google

23/09/2011 - Apaes mineiras serão contempladas com Centros Tecnológicos de Capacitação

Apaes lotam Expominas

“Hoje é um dia histórico para as Apaes de Minas Gerais. Temos agora a possibilidade não só de inovar, mas, sobretudo, trazer qualidade de vida para as pessoas com deficiência através da inovação”. Foi com essas palavras que o Deputado Federal Eduardo Barbosa, junto com o Governador de Minas Gerais, Antonio Anastasia, e o Secretário de Ciência e Tecnologia, Narcio Rodrigues, anunciou para as Apaes mineiras a implantação de 148 Centros Tecnológicos de Capacitação e de um Centro de Tecnologias Assistivas da Rede Apae. As Apaes receberão ainda 49 oficinas de picolé e sorvete e 54 oficinas de culinária.

Cerca de duas mil pessoas de 224 Apaes de diversas regiões do Estado estiveram em Belo Horizonte nesta quinta-feira (22) para participar da solenidade de criação dos Centros, que vão ajudar a melhorar a qualidade de vida das pessoas com deficiência. “Estão aqui as mãos calejadas de mineiros que enfrentam os desafios com poucos recursos financeiros, sem locais adequados, sem estrutura, mas tratam as pessoas com deficiência com dignidade”, ressaltou Eduardo Barbosa em seu discurso.

O programa é uma parceria da Secretaria de Estado de Ciência, Tecnologia e Ensino Superior (Sectes) com a Federação Nacional das Apaes e Federação das Apaes de Minas Gerais. O Centro Tecnológico de Capacitação vai facilitar o acesso das Apaes à internet e às redes sociais, criando uma rede tecnológica de integração das unidades. Cada Centro terá cinco computadores adaptados com aparelhos que possibilitam atender diferentes tipos de deficiência. Esta ação propõe a melhoria dos processos de qualificação da mão de obra de pessoas com deficiência, possibilitando melhores oportunidades no mercado de trabalho, e consequentemente na geração de renda e inclusão digital. Os Centros terão condições de atender diariamente cerca de dez mil pessoas com deficiência.

O projeto originou de emenda orçamentária da bancada mineira em 2007 no valor de R$ 2,5 milhões, da cota destinada ao Deputado Eduardo Barbosa. Mas a implantação só foi possível graças à parceria com o Governo de Minas Gerais, que dobrou o recurso, no valor total de R$ 5,4 milhões. “O Governador Antonio Anastasia vai ser o pioneiro de implantação de uma política pública voltada para esse segmento”, afirmou Barbosa.

O Governador afirmou que a causa e o movimento das pessoas com deficiência, pela sua justiça, pelo envolvimento sentimental, pela realidade que apresentam, merecem prioridade de todos os governos. “É a minha obrigação firme dizer que é uma prioridade absoluta termos uma política adequada para tratar as pessoas com deficiência para dá-las mais dignidade para que se sintam prestigiadas, amadas, reconhecidas e, agora, incluídas, através desse grande esforço tecnológico que vamos fazer”, afirmou Anastasia. “Comprometo-me que nenhum programa voltado para a pessoa com deficiência existente no meu Governo será cortado”, pontuou.

De acordo com o Deputado Eduardo Barbosa, esse projeto também vai capacitar os professores da Rede Apae para exercer com mais aptidão aquilo que eles já desenvolvem no dia-a-dia. A previsão é capacitar cerca 10.000 profissionais da Rede Apae mineira.

Centro de Tecnologias Assistivas

Além do Centro Tecnológico, será implantado no município de Pará de Minas, terra natal do Deputado Eduardo Barbosa, o Centro de Tecnologias Assistivas, um projeto pioneiro no Brasil, que será composto por uma Incubadora de Tecnologia Assistiva e por um Núcleo de Qualificação Profissional.

A Incubadora é um espaço físico destinado ao apoio e orientação para o desenvolvimento de empresas de tecnologias focadas no desenvolvimento de produtos e serviços que contribuam para proporcionar ou ampliar habilidades funcionais de pessoas com deficiência. Já o Núcleo de Qualificação Profissional visa à capacitação de profissionais, professores, pais, amigos e quaisquer pessoas que cuidam e convivam com pessoas com deficiência.

O Secretário Narcio Rodrigues explicou que o Governo de Minas está buscando atrair empresas de tecnologia assistiva para o Estado. “O grande objetivo é fazer com que o aparato de Ciência e Tecnologia no Estado, as articulações feitas por nós, possam se converter em ampliação dos espaços de cidadania. Ao construir um Centro de Tecnologia Assistiva, buscar uma incubadora de empresas e um Centro de Formação para a Rede Apae, estamos contemplando um Movimento que tem já uma enorme abrangência em toda Minas Gerais, com capilaridade em todo o Brasil”, afirmou o Secretário.

A expectativa é de que no Centro de Tecnologia Assistiva sejam capacitados aproximadamente dez mil profissionais que atuam da Rede Apae. O Núcleo atenderá 415 Apaes que atualmente atendem 40 mil pessoas com deficiência em todo Estado.


Galeria de Fotos:

Deputado Eduardo Barbosa discursando no Expominas.
Discurso do Governador Antonio Anastasia.
Deputado Eduardo Barbosa recebe presente de Apae mineira.
Público lota Expominas.
Cadeirantes na Cerimônia de entrega dos Centros Tecnológicos.
Alunos da Apae antes da apresentação musical.

BRASÍLIA - DF
Câmara dos Deputados Anexo IV - Gabinete 540
Cep: 70160-900
Tel: (61) 3215-1540/3540/5540
E-mail: dep.eduardobarbosa@camara.leg.br

PARÁ DE MINAS - MG
Rua São José, 280, Sala 1317 - 13º andar
Centro - Cep: 35660-014
Tel: (37) 3077-7903/7914/7934
E-mail: eduardobarbosagabinetemg@gmail.com

PSDB FEAPAES MG FENAPAES
Voltar ao Topo

© Copyright - 2013 - Deputado Federal Eduardo Barbosa - Todos os direitos reservados. Treis

Notícias

Compartilhar: Facebook Twitter Google

23/09/2011 - Apaes mineiras serão contempladas com Centros Tecnológicos de Capacitação

Apaes lotam Expominas

“Hoje é um dia histórico para as Apaes de Minas Gerais. Temos agora a possibilidade não só de inovar, mas, sobretudo, trazer qualidade de vida para as pessoas com deficiência através da inovação”. Foi com essas palavras que o Deputado Federal Eduardo Barbosa, junto com o Governador de Minas Gerais, Antonio Anastasia, e o Secretário de Ciência e Tecnologia, Narcio Rodrigues, anunciou para as Apaes mineiras a implantação de 148 Centros Tecnológicos de Capacitação e de um Centro de Tecnologias Assistivas da Rede Apae. As Apaes receberão ainda 49 oficinas de picolé e sorvete e 54 oficinas de culinária.

Cerca de duas mil pessoas de 224 Apaes de diversas regiões do Estado estiveram em Belo Horizonte nesta quinta-feira (22) para participar da solenidade de criação dos Centros, que vão ajudar a melhorar a qualidade de vida das pessoas com deficiência. “Estão aqui as mãos calejadas de mineiros que enfrentam os desafios com poucos recursos financeiros, sem locais adequados, sem estrutura, mas tratam as pessoas com deficiência com dignidade”, ressaltou Eduardo Barbosa em seu discurso.

O programa é uma parceria da Secretaria de Estado de Ciência, Tecnologia e Ensino Superior (Sectes) com a Federação Nacional das Apaes e Federação das Apaes de Minas Gerais. O Centro Tecnológico de Capacitação vai facilitar o acesso das Apaes à internet e às redes sociais, criando uma rede tecnológica de integração das unidades. Cada Centro terá cinco computadores adaptados com aparelhos que possibilitam atender diferentes tipos de deficiência. Esta ação propõe a melhoria dos processos de qualificação da mão de obra de pessoas com deficiência, possibilitando melhores oportunidades no mercado de trabalho, e consequentemente na geração de renda e inclusão digital. Os Centros terão condições de atender diariamente cerca de dez mil pessoas com deficiência.

O projeto originou de emenda orçamentária da bancada mineira em 2007 no valor de R$ 2,5 milhões, da cota destinada ao Deputado Eduardo Barbosa. Mas a implantação só foi possível graças à parceria com o Governo de Minas Gerais, que dobrou o recurso, no valor total de R$ 5,4 milhões. “O Governador Antonio Anastasia vai ser o pioneiro de implantação de uma política pública voltada para esse segmento”, afirmou Barbosa.

O Governador afirmou que a causa e o movimento das pessoas com deficiência, pela sua justiça, pelo envolvimento sentimental, pela realidade que apresentam, merecem prioridade de todos os governos. “É a minha obrigação firme dizer que é uma prioridade absoluta termos uma política adequada para tratar as pessoas com deficiência para dá-las mais dignidade para que se sintam prestigiadas, amadas, reconhecidas e, agora, incluídas, através desse grande esforço tecnológico que vamos fazer”, afirmou Anastasia. “Comprometo-me que nenhum programa voltado para a pessoa com deficiência existente no meu Governo será cortado”, pontuou.

De acordo com o Deputado Eduardo Barbosa, esse projeto também vai capacitar os professores da Rede Apae para exercer com mais aptidão aquilo que eles já desenvolvem no dia-a-dia. A previsão é capacitar cerca 10.000 profissionais da Rede Apae mineira.

Centro de Tecnologias Assistivas

Além do Centro Tecnológico, será implantado no município de Pará de Minas, terra natal do Deputado Eduardo Barbosa, o Centro de Tecnologias Assistivas, um projeto pioneiro no Brasil, que será composto por uma Incubadora de Tecnologia Assistiva e por um Núcleo de Qualificação Profissional.

A Incubadora é um espaço físico destinado ao apoio e orientação para o desenvolvimento de empresas de tecnologias focadas no desenvolvimento de produtos e serviços que contribuam para proporcionar ou ampliar habilidades funcionais de pessoas com deficiência. Já o Núcleo de Qualificação Profissional visa à capacitação de profissionais, professores, pais, amigos e quaisquer pessoas que cuidam e convivam com pessoas com deficiência.

O Secretário Narcio Rodrigues explicou que o Governo de Minas está buscando atrair empresas de tecnologia assistiva para o Estado. “O grande objetivo é fazer com que o aparato de Ciência e Tecnologia no Estado, as articulações feitas por nós, possam se converter em ampliação dos espaços de cidadania. Ao construir um Centro de Tecnologia Assistiva, buscar uma incubadora de empresas e um Centro de Formação para a Rede Apae, estamos contemplando um Movimento que tem já uma enorme abrangência em toda Minas Gerais, com capilaridade em todo o Brasil”, afirmou o Secretário.

A expectativa é de que no Centro de Tecnologia Assistiva sejam capacitados aproximadamente dez mil profissionais que atuam da Rede Apae. O Núcleo atenderá 415 Apaes que atualmente atendem 40 mil pessoas com deficiência em todo Estado.


Galeria de Fotos:

Deputado Eduardo Barbosa discursando no Expominas.
Discurso do Governador Antonio Anastasia.
Deputado Eduardo Barbosa recebe presente de Apae mineira.
Público lota Expominas.
Cadeirantes na Cerimônia de entrega dos Centros Tecnológicos.
Alunos da Apae antes da apresentação musical.

BRASÍLIA - DF
Câmara dos Deputados Anexo IV - Gabinete 540
Cep: 70160-900
Tel: (61) 3215-1540/3540/5540
E-mail: dep.eduardobarbosa@camara.leg.br

PARÁ DE MINAS - MG
Rua São José, 280, Sala 1317 - 13º andar
Centro - Cep: 35660-014
Tel: (37) 3077-7903/7914/7934
E-mail: eduardobarbosagabinetemg@gmail.com

PSDB FEAPAES MG FENAPAES
Facebook Twitter YouTube Voltar ao Topo

© Copyright - 2013 - Deputado Federal Eduardo Barbosa - Todos os direitos reservados. Treis