Eduardo Barbosa Deputado Nota 10!

Você está em: Home » Imprensa » Notícias

Notícias

Compartilhar: Facebook Twitter Google

27/03/2019 - Eduardo Barbosa participa de audiência pública na Comissão da Pessoa Idosa

O deputado federal Eduardo Barbosa participou nesta quarta-feira (27) da primeira audiência pública da Comissão de Defesa dos Direitos da Pessoa Idosa em 2019. Na audiência, foram apresentadas as iniciativas e programas do governo destinadas à pessoa idosa.

Estavam presentes na audiência a representante da Coordenação de Saúde da Pessoa Idosa do Ministério da Saúde, Maria Cristina Hoffmann, o Diretor de Atenção ao Idoso do Ministério da Cidadania, Leonardo Milhomem Rezende, e a Presidente do Conselho Nacional dos Direitos da Pessoa Idosa, Maria Lúcia Secoti, que apresentou as prioridades elencadas pelo Conselho para o segmento.

O deputado Eduardo Barbosa falou que a pauta do Idoso é muito semelhante à pauta da Pessoa com Deficiência e sugeriu que a Comissão do Idoso caminhasse junto com a Comissão da Pessoa com Deficiência na cobrança da implantação da avaliação biopsicossocial.

Ele questionou à Maria Cristina se a Coordenação de Saúde tem na participado da formulação do instrumento de avalição biopsicossocial. Segundo ele, essa avaliação terá um impacto grande tanto na vida das pessoas com deficiência quanto na vida das pessoas idosas porque ela vai pautar o processo de concessão de benefícios e de acesso às políticas públicas. A coordenadora confirmou a participação do Ministério da Saúde no processo, desde a elaboração o Índice Brasileiro de Funcionalidade – IFBr e informou que existe confluência na avaliação diagnóstica e questões comuns entre o instrumento e a Caderneta de Saúde da Pessoa Idosa.

Eduardo Barbosa também afirmou que é importante aprofundar a questão orçamentária. “Esse é um obstáculo que nós teremos para poder fazer valer a legislação”, disse. Ele sugeriu à Comissão que identifique junto ao Governo Federal quais são os pontos que os parlamentares têm que focar para a ampliação do orçamento da área.

O deputado ainda relembrou que presidiu a Comissão Especial que elaborou o Estatuto do Idoso. “Naquela época foi uma grande experiência, pois havia uma polêmica do possível conflito existente entre a Política Nacional do Idoso e o Estatuto, mas o debate dissipou essa questão e hoje nós temos as diretrizes e os conceitos prevalecendo dentro da construção das políticas públicas”, recordou.

Além da reunião de audiência pública, a comissão também aprovou o plano de trabalho com os eixos de atuação da comissão, entre eles: planos de saúde, benefícios sociais e medidas contra a violência.




BRASÍLIA - DF
Câmara dos Deputados Anexo IV - Gabinete 540
Cep: 70160-900
Tel: (61) 3215-1540/3540/5540
E-mail: dep.eduardobarbosa@camara.leg.br

PARÁ DE MINAS - MG
Rua São José, 280, Sala 1317 - 13º andar
Centro - Cep: 35660-014
Tel: (37) 3077-7903/7914/7934
E-mail: eduardobarbosagabinetemg@gmail.com

PSDB FEAPAES MG FENAPAES
Voltar ao Topo

© Copyright - 2013 - Deputado Federal Eduardo Barbosa - Todos os direitos reservados. Treis

Notícias

Compartilhar: Facebook Twitter Google

27/03/2019 - Eduardo Barbosa participa de audiência pública na Comissão da Pessoa Idosa

O deputado federal Eduardo Barbosa participou nesta quarta-feira (27) da primeira audiência pública da Comissão de Defesa dos Direitos da Pessoa Idosa em 2019. Na audiência, foram apresentadas as iniciativas e programas do governo destinadas à pessoa idosa.

Estavam presentes na audiência a representante da Coordenação de Saúde da Pessoa Idosa do Ministério da Saúde, Maria Cristina Hoffmann, o Diretor de Atenção ao Idoso do Ministério da Cidadania, Leonardo Milhomem Rezende, e a Presidente do Conselho Nacional dos Direitos da Pessoa Idosa, Maria Lúcia Secoti, que apresentou as prioridades elencadas pelo Conselho para o segmento.

O deputado Eduardo Barbosa falou que a pauta do Idoso é muito semelhante à pauta da Pessoa com Deficiência e sugeriu que a Comissão do Idoso caminhasse junto com a Comissão da Pessoa com Deficiência na cobrança da implantação da avaliação biopsicossocial.

Ele questionou à Maria Cristina se a Coordenação de Saúde tem na participado da formulação do instrumento de avalição biopsicossocial. Segundo ele, essa avaliação terá um impacto grande tanto na vida das pessoas com deficiência quanto na vida das pessoas idosas porque ela vai pautar o processo de concessão de benefícios e de acesso às políticas públicas. A coordenadora confirmou a participação do Ministério da Saúde no processo, desde a elaboração o Índice Brasileiro de Funcionalidade – IFBr e informou que existe confluência na avaliação diagnóstica e questões comuns entre o instrumento e a Caderneta de Saúde da Pessoa Idosa.

Eduardo Barbosa também afirmou que é importante aprofundar a questão orçamentária. “Esse é um obstáculo que nós teremos para poder fazer valer a legislação”, disse. Ele sugeriu à Comissão que identifique junto ao Governo Federal quais são os pontos que os parlamentares têm que focar para a ampliação do orçamento da área.

O deputado ainda relembrou que presidiu a Comissão Especial que elaborou o Estatuto do Idoso. “Naquela época foi uma grande experiência, pois havia uma polêmica do possível conflito existente entre a Política Nacional do Idoso e o Estatuto, mas o debate dissipou essa questão e hoje nós temos as diretrizes e os conceitos prevalecendo dentro da construção das políticas públicas”, recordou.

Além da reunião de audiência pública, a comissão também aprovou o plano de trabalho com os eixos de atuação da comissão, entre eles: planos de saúde, benefícios sociais e medidas contra a violência.




BRASÍLIA - DF
Câmara dos Deputados Anexo IV - Gabinete 540
Cep: 70160-900
Tel: (61) 3215-1540/3540/5540
E-mail: dep.eduardobarbosa@camara.leg.br

PARÁ DE MINAS - MG
Rua São José, 280, Sala 1317 - 13º andar
Centro - Cep: 35660-014
Tel: (37) 3077-7903/7914/7934
E-mail: eduardobarbosagabinetemg@gmail.com

PSDB FEAPAES MG FENAPAES
Facebook Twitter YouTube Voltar ao Topo

© Copyright - 2013 - Deputado Federal Eduardo Barbosa - Todos os direitos reservados. Treis